Os furgões comerciais adaptados ao transporte de passageiros estão cada vez mais sofisticados, confortáveis e luxuosos, mesmo se nos concentrarmos apenas nas versões eléctricas, cuja procura começa a dar nas vistas. Praticamente todas as marcas europeias oferecem veículos deste tipo, alimentados exclusivamente por bateria, mas o modelo mais procurado, apesar de não ser o mais barato, deverá continuar a ser o EQV da Mercedes, essencialmente um Classe V eléctrico, que usufrui da reputação da marca para cativar os clientes mais exigentes.

O EQV 300 já está disponível em Portugal, por valores a partir de 79.714€, mais 18.000€ do que o Classe V com motor de combustão. Exteriormente, o novo monovolume eléctrico pode ser facilmente reconhecido pela grelha, que está tapada, bem como outros pequenos detalhes, com destaque para a tampa que esconde a tomada de ligação à corrente, localizada à frente, sob o farol esquerdo.

11 fotos

O EQV 300 monta um motor eléctrico que fornece 204 cv (150 kW) em pico, ou seja durante uns breves segundos, para facilitar ultrapassagens ou manobras de emergência, que depois em contínuo está electronicamente limitado a 90 cv. A bateria que alimenta o furgão de passageiros tem uma capacidade total de 100 kWh, 90 kWh dos quais são úteis, o que permite uma autonomia de 349 km, um valor interessante para um veículo com estas características e um peso que ronda 2635 kg.

Limitado a 140 km/h, para não prejudicar em demasia a autonomia, o EQV pode recarregar a bateria em corrente contínua (DC) nos postos de carga rápida, aceitando uma potência de até 110 kW. Em alternativa, o carregamento pode ser efectuado em corrente alterna (AC) até 11 kW, para o que necessita de 10 horas.