A HiJiffy fechou uma ronda de investimento no valor de um milhão de euros com a Portugal Ventures, o operador público de capital de risco, anunciou a startup portuguesa esta quinta-feira em comunicado. O montante vai servir para a empresa consolidar a presença em mercados estratégicos, como França, Espanha e Reino Unido e contratar mais 20 pessoas. A ronda surgiu depois de a HiJiffy ter crescido 115% desde janeiro.

De acordo com o comunicado, o contexto da pandemia provou a necessidade de acelerar a revolução tecnológica do setor hoteleiro. “A transformação digital dos hotéis tornou-se inevitável. Neste momento, garantir uma resposta imediata a um pedido de informação ou digitalizar processos durante a estadia (como o check-in ou a requisição de serviços) mantendo a mesma qualidade de serviço, é absolutamente crucial… e a Hijiffy é a solução que o permite”, afirma Tiago Araújo, líder da startup portuguesa.

A solução da HiJiffy permite aos hotéis centralizar, automatizar e medir as atividades de atendimento ao cliente da hotelaria, Como? Recorrendo à inteligência artificial. Assim, a empresa disponibiliza um assistente virtual de pré-reserva, disponível em mais de 100 idiomas; e um concierge virtual, que pretende simplificar a comunicação entre hotéis e hóspedes durante a estadia.

Rui Ferreira, vice-presidente da Portugal Ventures, refere que “no momento atual, é essencial apoiar soluções tecnológicas inovadoras que ajudem os setores mais tradicionais do Turismo, como é a hotelaria, a lidar com os desafios desta pandemia e a estarem preparados para as novas formas de experiência em hotéis. Investir na HiJiffy é sinónimo de potenciar a transformação digital do setor do Turismo, alavancando a criação de bens e serviços tecnológicos”.

A HiJiffy foi considerada pela Organização Mundial de Turismo como a solução mais inovadora de 2020. Poucos meses depois, venceu a terceira edição dos Prémios EmpreendedorXXI, atribuídos pelo BPI juntamente com a CaixaBank. Recentemente,também fez uma parceria com a empresa inglesa Triptease, assumindo o respetivo chatbot e acesso a mais de 800 hotéis espalhados pelo mundo. Fundada em 2016, a startup está presente em mais de 1400 hotéis de 30 países.