Treze pessoas morreram e outras cinco ficaram feridas hoje na sequência de um acidente de viação na cidade da Beira, em Sofala, no centro de Moçambique, informou a polícia local.

O acidente, que ocorreu por volta das 04h00 locais (02h00 em Lisboa), envolveu um camião e um furgão transportando passageiros, disse à comunicação social Marito Piralto, da Polícia de Trânsito na província de Sofala.

Presume-se que o transporte de passageiros [furgão] estava em alta velocidade porque não conseguiu parar o veículo num espaço visível e acabou embatendo na parte lateral do camião”, referiu o policial, acrescentando que as viaturas seguiam em sentidos opostos.

O acidente causou a morte de 13 pessoas no local, quatro feridos graves e um ligeiro, que foram transportados para o Hospital Central da Beira (HCB), todos passageiros do furgão.

Além do excesso de velocidade, as autoridades apontam a execução de uma manobra irregular como uma das causas do sinistro.

Tem sinais expostos na via pública que indicam que [o motorista] devia reduzir a velocidade para evitar essa situação, mas ele ignorou. O resultado foi o acidente e que dizimou vidas humanas”, acrescentou.

Em declarações à imprensa, o porta-voz do HCB, Bonifácio Cebola, disse que os feridos estão estáveis, mas permanecem sob observação.