A cantora e compositora Billie Eilish, que aos 19 anos é já uma das maiores estrelas pop do mundo — e que o começou a ser ainda adolescente —, vai lançar um livro que contém fotografias de infância nunca vistas. O livro chama-se “By Billie Eilish” e pode ser já pré-encomendado online numa série de países, dos quais Portugal não faz parte.

A pré-compra do livro, que chegará a 11 de maio, pode ser feita nos Estados Unidos da América, Canadá, Reino Unido, Irlanda, Austrália, Nova Zelândia, Índia, Alemanha e Holanda. E, segundo se lê no site oficial de Bilie Eilish, o livro mostra “um retrato íntimo e interior da sua vida e da sua carreira — tanto em palco como fora dele”.

O livro, o primeiro publicado por Billie Eilish, está “repleto de fotografias” suas e é “uma viagem narrativa visual pela sua vida”, segundo é anunciado. Contém “centenas de fotografias nunca vistas” e permite perceber melhor como foi a sua infância e a sua adaptação à vida artística e às digressões. A edição trará ainda um audio-livro exclusivo em que Billie Eilish “reflete sobre a sua vida”, narra “histórias nunca contadas” e fala de momentos importantes da sua vida.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Billie Eilish, que lançará em julho o seu segundo álbum — que já tem título, “Happier Than Ever”, e um primeiro single revelado, a canção “Your Power” —, contou ao jornal britânico The Guardian (que publicou fotografias em primeira mão) que adora as suas fotografias dos álbuns de família que tem em casa mas que não arrisca levá-las em digressão porque “são demasiado valiosas”.

No entanto, adoro ficar a vê-las e percorrê-las quando estou em casa. Faço sempre questão de me sentar e folheá-las de tempos a tempos. Foi muito difícil escolher as que fariam parte do livro mas sinto que partilhei muita coisa nessa seleção. Houve algumas coisas que quase incluí mas que acabei por deixar de fora, depois de perceber que as pessoas não tinham de saber dessas coisas”, refere ainda.

Ainda em declarações ao jornal The Guardian, Billie Eilish diz que passou “muito tempo a olhar para fotografias antigas e da minha vida para fazer este livro e houve muitas coisas que me deixaram nostálgica e me fizeram sentir saudades de partes da minha vida”. Porém, garante: “Em geral, isto fez-me sentir grata pela vida que tenho agora e fez-me perceber que não quero voltar atrás”.

Recentemente Billie Eilish foi capa da edição britânica da revista britânica Vogue, tendo sido fotografada com um look bastante diferente daquele que exibia quando era uma adolescente que vestia roupas largas. Nesta sessão, Billie Eilish aparece como loira platinada e de espartilho colado ao corpo.

Loira platinada e de espartilho colado ao corpo. A metamorfose de Billie Eilish na capa da Vogue

Há cerca de dois meses, chegou à plataforma de streaming Apple TV + (disponível em Portugal) um documentário intitulado “Billie Eilish: o mundo está um pouco turvo”. O filme mostrava também Billie Eilish em criança, a cantar ao piano com o irmão, ilustrando também toda a construção do primeiro disco da cantora, que lhe valeu cinco prémios Grammys no primeiro ano em que foi nomeada (estava nomeada para oito categorias).

A popularidade de Billie Eilish foi também atestada no primeiro e único concerto que deu até agora em Portugal, em setembro de 2019, numa Altice Arena (antigo Pavilhão Atlântico), em Lisboa, totalmente esgotada e estridente no entusiasmo.

Que vida é a tua, Billie Eilish, e como te tornaste a voz mais ouvida de uma geração?