Tem mais de 15 gigabytes de fotografias no serviço de armazenamento da Google, o Google Photos, e não quer pagar para continuar a guardá-las na nuvem? Na terça-feira, 1 de junho, chega ao fim o pacote de armazenamento ilimitado de fotografias que a empresa disponibiliza. Se quiser continuar a utilizar o serviço, ou apaga as fotografias que passará a ter a mais, ou então começar a pagar uma subscrição que custa, no mínimo, dois euros por mês.

Contudo, não se assuste. Explicamos abaixo tudo o que pode fazer para guardar as fotografias que tem nos servidores da Google. Além disso, para já, poderá não ter que se preocupar. E há outros serviços a que pode recorrer para guardar as suas fotografias online.

O que é que acontece a 1 de junho?

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.