Siga aqui o nosso liveblog sobre o conflito israelo-palestiniano

A operação estava a ser preparada há algum tempo e entrou em marcha por volta das duas da manhã em território israelita (pouco depois da meia-noite em Lisboa). As Forças de Defesa de Israel invadiram um prédio em Rafah, cidade no sul da Faixa de Gaza, arrombaram a porta de um apartamento no segundo andar com recurso a um explosivo e, após confrontos com homens do Hamas, resgataram dois reféns argentino-israelitas, Fernando Simon Marman e o cunhado, Louis Har.

Desde o momento em que “abriram fogo contra o apartamento”, os soldados “protegeram Louis e Fernando com os seus corpos e uma batalha ousada começou” e incluiu “pesadas trocas de tiros em vários locais com muitos terroristas”, afirmou o exército israelita em conferência de imprensa, de acordo com o jornal Haaretz.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.