Olá

832kWh poupados com a
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

GettyImages-2155587390
i

Depois de desiludir no Europeu de 2020, onde ficou na fase de grupos, a Turquia quer surpreender e chegar o mais longe possível

Insidefoto/LightRocket via Getty

Depois de desiludir no Europeu de 2020, onde ficou na fase de grupos, a Turquia quer surpreender e chegar o mais longe possível

Insidefoto/LightRocket via Getty

Turquia (Grupo F). A magia de Güler e companhia para subir a Montella com toque transalpino

2021 foi ano de desilusão. Montella chegou, implementou as suas ideias à moda italiana e a equipa começou a render. Alemanha, Croácia e Itália foram surpreendidas pela Turquia. Quem se segue?

A Turquia chegou ao Europeu de 2020 catalogada como a principal seleção que podia surpreender os gigantes do Velho Continente. Acabou por não ser bem assim, e a equipa então comandada por Senol Günes deixou a prova como a pior equipa: três derrotas, oito golos sofridos e apenas um marcado.

Para reverter essa tendência negativa, a Federação turca apostou em Vincenzo Montella, que já se encontrava ligado ao futebol turco (Adana Demirspor). A aposta acabou por revelar-se certeira, já que a Turquia terminou a fase de qualificação no primeiro lugar do grupo D, à frente de Croácia e País de Gales, apurando-se pela terceira vez consecutiva para a fase final de um Europeu.

Apesar de não ser uma equipa que se caracteriza pelo futebol vistoso, a Turquia apresenta-se de forma eficaz, bem à imagem do seu treinador. Olhando aos jogos mais recentes, os turcos conseguiram vencer a Croácia (1-0), a Alemanha (3-2) e empatar com a Itália (0-0), sempre fora de portas. O futebol rápido e direto acaba por beneficiar os jogadores de ataque, com os irreverentes Kenan Yildiz e Arda Güler a destacarem-se. Baris Alper Yilmaz também é um dos elementos em quem Montella mais confia.

GettyImages-2155587559

Vincenzo Montella quer levar a Turquia à fase a eliminar do Europeu

Insidefoto/LightRocket via Getty

BI

  • Ranking FIFA atual: 40.º
  • Melhor ranking FIFA: 5.º (junho de 2004)
  • Alcunha: Ay-Yıldızlılar (Estrela crescente)
  • Presenças em fases finais: 6
  • Última participação. Fase de grupos no Europeu em vários países, em 2020
  • Melhor resultado. Meias-finais no Europeu da Áustria e da Suíça, em 2008 (Alemanha, 3-2)
  • Qualificação. Apuramento direto como primeiro classificado do grupo D com Croácia, País de Gales, Arménia e Letónia
  • O que seria um bom resultado? Chegar à fase a eliminar, o que não acontece desde 2008

Jogos em 2024

  • Jogo particular, 22/3: Hungria (fora), 1-0 (D)
  • Jogo particular, 26/3: Áustria (fora), 6-1 (D)
  • Jogo particular, 4/6: Itália (fora), 0-0 (E)
  • Jogo particular, 10/6: Polónia (fora), 2-1 (D)

O onze

  • 4x2x3x1: Uğurcan Çakır; Zeki Çelik, Merih Demiral, Abdülkerim Bardakci, Ferdi Kadioglu; Salih Özcan, Hakan Çalhanoglu; Baris Alper Yilmaz, Arda Güler, Kerem Aktürkoglu e Kenan Yildiz

O treinador

  • Vincenzo Montella (italiano, 49 anos, desde 2023)
  • Outros clubes: Roma, Catania, Fiorentina, Sampdoria, AC Milan, Sevilha e Adana Demirspor

O craque

  • Hakan Çalhanoglu (30 anos, médio do Inter Milão)
  • Outros clubes: Karlsruher, Hamburgo, Bayer Leverkusen e AC Milan

A revelação

  • Arda Güler (19 anos, médio do Real Madrid)
  • Outros clubes: Fenerbahçe
GettyImages-2107861245

Arda Güler chega ao Campeonato da Europa como campeão europeu, título conquistado pelo Real Madrid no início do mês

Getty Images

O mais internacional e o maior goleador

  • Hakan Çalhanoglu (85 internacionalizações) e Cenk Tosun (20 golos)

Os 26 convocados

  • Guarda-redes (3): Altay Bayindir (Manchester United), Mert Günok (Besiktas) e Ugurcan Çakir (Trabzonspor)
  • Defesas (7): Mert Müldür (Fenerbahçe), Zeki Çelik (Roma), Abdülkerim Bardakci (Galatasaray), Ahmetcan Kaplan (Ajax), Merih Demiral (Al Ahli), Samet Akaydin (Valencia) e Ferdi Kadioglu (Fenerbahçe)
  • Médios (6): Hakan Çalhanoglu (Inter), Ismail Yüksek (Fenerbahçe), Kaan Ayhan (Galatasaray), Okay Yokuslu (WBA), Orkun Kökçü (Benfica) e Salih Özcan (B. Dortmund)
  • Avançados (10): Irfan Can Kahveci (Fenerbahçe), Yunus Akgün (Leicester), Kenan Yildiz (Juventus), Kerem Aktürkoğlu (Galatasaray), Arda Güler (Real Madrid), Baris Alper Yilmaz (Galatasaray), Bertug Yildirim (Rennes), Cenk Tosun (Besiktas), Semih Kilicsoy (Besiktas) e Yusuf Yazici (Lille)

O local do estágio

  • Sporthotel Fuchsbachtal, em Barsinghausen

A antevisão

"A competição está cada vez mais difícil porque a fasquia foi elevada e até as equipas de nível médio melhoraram. Isso obriga a equipa a dar o seu melhor e ter convicção e carácter, mas de forma positiva e que não se confunda com arrogância"
Vincenzo Montella, selecionador da Turquia

A ligação a Portugal

Incontornavelmente, Orkun Kökçü é, atualmente, o único elo de ligação entre Portugal e a Turquia. O médio de 23 anos tornou-se no melhor jogador da Liga dos Países Baixos em 2023, chegando ao Benfica pouco depois vindo do Feyenoord a troco de 25 milhões de euros. Deste modo, o turco tornou-se no jogador mais caro de sempre do Campeonato, mas demorou a encontrar o seu espaço nas escolhas de Roger Schmidt. Merih Demiral também já esteve ligado ao futebol português, representando Alcanenense e Sporting B entre 2016 e 2018. Em sentido inverso, José Mourinho vai passar a treinar o Fenerbahçe.

Nasceu em Haarlem, quer ser um globetrotter da bola e está a caminho da Luz: Orkun Kökçü será a maior transferência de sempre do Benfica

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

 
Assine um ano por 79,20€ 44€

Não é só para chegar ao fim deste artigo:

  • Leitura sem limites, em qualquer dispositivo
  • Menos publicidade
  • Desconto na Academia Observador
  • Desconto na revista best-of
  • Newsletter exclusiva
  • Conversas com jornalistas exclusivas
  • Oferta de artigos
  • Participação nos comentários

Apoie agora o jornalismo independente

Ver planos

Oferta limitada

Já é assinante?
Apoio a cliente

Para continuar a ler assine o Observador
Assine um ano por 79,20€ 44€
Ver planos

Oferta limitada

Já é assinante?
Apoio a cliente

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.

Apoie o jornalismo. Leia sem limites. Verão 2024.  
Assine um ano por 79,20€ 44€
Apoie o jornalismo. Leia sem limites.
Este verão, mergulhe no jornalismo independente com uma oferta especial Assine um ano por 79,20€ 44€
Ver ofertas Oferta limitada