818kWh poupados
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Empregabilidade

Educação

Vale mesmo a pena investir em educação?

Como com os rankings, é fundamental promover a transparência sobre as competências e a futura empregabilidade dos cursos. Essa informação é ainda mais importante para as famílias de rendimentos baixos
Ainda Bem que Faz Essa Pergunta

Educação. Estamos a caminho do desastre?

Dados da educação, qualificações e emprego são assustadores. Salários dos licenciados mais próximos de quem tem só o secundário e a degradação no ensino é evidente. Vamos definhando em câmara lenta.
Economia

RH Sem Tabus

Do recrutamento às condições de trabalho, RH Sem Tabus vem desmistificar temas relacionados com a área dos Recursos Humanos, uma peça-chave das empresas.
Jovens

Estratégia da Juventude do Porto 4.0 aprovada

"Empregabilidade, aprendizagens de qualidade, diversidade e igualdade de oportunidades, ambiente e desenvolvimento sustentável, e participação jovem" são o mote desta nova estratégia.
Emprego

O que influencia o salário dum profissional de TI?

Quando estou envolvido em discussões sobre salários, tento sempre avaliar estas questões: “Diz-me onde andas (Localização/Empresa), diz-me com quem andas (Tecnologia/Mercado), dir-te-ei o que ganhas”.
Emprego

Universidade do Porto assina protocolo com câmaras

A Universidade do Porto assinou um protocolo de empregabilidade com 50 Câmaras Municipais. O projeto prevê que as autarquias tenham acesso a um banco de currículos de diplomados da Universidade.
Mercado de Trabalho

A empregabilidade não é tudo no Ensino Superior

Por quatro razões, sobrevalorizar a importância da empregabilidade no ensino superior pode trazer mais prejuízos do que benefícios. E, ironia, pode até ser forma de acabar desempregado
Acesso ao Ensino Superior

Conheça os 63 cursos com desemprego zero

Da medicina, à física, dos estudos clássicos à engenharia informática. São 63 os cursos que, em dezembro de 2014, registavam uma taxa de desemprego... zero. Todos eles vão abrir vagas no próximo ano.
Acesso ao Ensino Superior

Politécnicos lideram no desemprego

São sobretudo politécnicos e ficam no norte ou no interior do país. É este o retrato das instituições de ensino superior com taxas de desemprego mais altas.
País

Mais um ano, mais uma Expocarreiras

Realizou-se esta quarta-feira mais uma edição do Expocarreiras na Universidade Católica de Lisboa. Entre conferências e workshops, discutiu-se “Conhecimento, Criatividade e Inovação”.
Universidade Católica

Realiza-se esta quarta-feira mais um Expocarreiras

A Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica de Lisboa vai realizar esta quarta-feira mais uma edição do Expocarreiras, "uma oportunidade para que a procura e a oferta se encontrem".
Empregabilidade

Estudo: próxima década promoverá novas profissões

O crescimento do emprego será modesto na próxima década, diz autora do estudo "Novos Mercados de Trabalho e Profissões", mas haverá áreas em que não faltarão oportunidades de trabalho.
Empregabilidade

70% das chinesas trabalham fora de casa

A China tem uma das mais altas taxas de emprego feminino do mundo (73%), mas nas empresas a percentagem de mulheres CEO (chefe-executivos) ou com cargos diretivos não chega a 10%.

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Para ler este artigo grátis, registe-se gratuitamente no Observador com o mesmo email com o qual recebeu esta oferta.

Caso já tenha uma conta, faça login aqui.

Vivemos tempos interessantes e importantes

Se 1% dos nossos leitores assinasse o Observador, conseguiríamos aumentar ainda mais o nosso investimento no escrutínio dos poderes públicos e na capacidade de explicarmos todas as crises – as nacionais e as internacionais. Hoje como nunca é essencial apoiar o jornalismo independente para estar bem informado. Torne-se assinante a partir de 0,18€/ dia.

Ver planos