Curiosidades Auto

Lamborghini volta a enfrentar Ferrari. No cinema

318

A guerra entre Ferruccio Lamborghini e Enzo Ferrari, reputados fabricantes de superdesportivos, vai reacender-se passados 54 anos. Desta vez no cinema, pela mão de António Banderas e Alec Baldwin.

Banderas e Baldwin vão defender a história de Ferruccio Lamborghini e Enzo Ferrari no filme que vai opor dois monstros da indústria automóvel

Os superdesportivos da Lamborghini e da Ferrari competem entre si pela paixão dos aficionados por modelos em que motores potentes caminham de mãos dadas com carroçarias esguias e preços exorbitantes. Há mais adversários a tentar cair nas boas graças dos clientes amantes desta classe de veículos, mas o foco de um destes fabricantes sempre foi o outro. E vice-versa. Agora, esta luta entre vizinhos – Lamborghini e Ferrari foram criadas a 35 km de distância – vai ser imortalizada pela Sétima Arte.

Veja aqui alguns dos momentos da história de Ferruccio Lamborghini:

A razão da querela entre Ferruccio e Enzo é antiga e, reza a lenda, nasceu no final dos anos 60, quando o magnata que nasceu numa família produtora de vinhos e depois se especializou na fabricação de tractores, entre outras coisas, era um bom cliente da Ferrari. Mas um belo dia, descontente com alguns problemas do seu desportivo, abordou Enzo sugerindo que ele introduzisse algumas modificações. Ora já então, o pai da Ferrari era uma referência incontornável e não achou muita piada às dicas do seu vizinho e cliente, pelo que lhe terá respondido qualquer coisa como: “Podes ser capaz de conduzir um tractor, mas nunca serás capaz de conduzir um Ferrari como deve ser.” Perdeu-se a amizade, mas ganhou-se um construtor de automóveis competente e dedicado, decidido a produzir desportivos melhores do que os Ferrari e a fazer Enzo engolir as suas palavras. Recorde aqui Enzo Ferrari:

É claro que a história entre estes dois monstros da indústria automóvel é muito mais complexa do que isto, com nuances curiosas e com o rescaldo da II Guerra Mundial e muita competição à mistura. Mas tudo vai passar para o cinema, num filme escrito por Bobby Moresco e dirigido por Michael Radford, o mesmo que realizou o Mercador de Veneza e O Carteiro de Pablo Neruda. O mais interessante é a escolha de pesos pesados da Sétima Arte para representar Ferruccio e Enzo, com o primeiro a ficar a cargo de António Banderas e o segundo papel a ser entregue a Alec Baldwin.

A produção cabe à Ambi Media Group, que adquiriu os direitos da história oficial de Lamborghini junto do seu filho António Lamborghini, que pensa filmar em Itália a maior parte da obra. Além dos pormenores em torno da relação entre Ferruccio e Enzo, o filme vai certamente valer pela quantidade de obras de arte sobre rodas que se vão poder ver desfilar.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Incêndios

Fogo posto não é terrorismo?

José Milhazes
225

Concordo com os que dizem que a vida humana não tem preço, mas parece que há alguns dos nossos políticos que seguem o princípio estalinista de que a morte de mais do que uma pessoa é mera estatística.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site