Curiosidades Auto

Bate em dois e pira-se. Mas um “motard” apanhou-o

132

Colidir com outro carro pode sempre acontecer. Já bater em dois, um a seguir ao outro, está longe de ser normal. Mas anormal mesmo é, depois disso, fugir. E ter no encalço um motociclista vlogger.

Autor
  • Simone Carvalho

A primeira vítima foi uma pick-up. Mas quem estava parado à frente, à espera que “caísse” o verde para arrancar, também não ficou a rir. Depois de ter passado um duplo traço amarelo e de ter enfiado a frente na traseira de uma pick-up, o condutor de um Mercedes de 2008 interpretou livremente a cor exibida pelo semáforo, considerando que o vermelho era para andar. Em vez de parar – no fim de contas, tinha acabado de bater –, manteve a velocidade até ter, poucos metros à frente, outro “encontro imediato”. Desta vez, com um Toyota Prius. O qual, com o impacto inesperado, também acabou por embater na traseira do veículo que o precedia. Pensará o leitor que a coisa não podia piorar. Mas piorou.

O homem que conduzia (talvez este não seja o termo mais apropriado) o Classe S decidiu que a melhor maneira de lidar com o assunto era… fugir! Ignorou o facto de um marshal (o episódio aconteceu nos EUA) ter de imediato comunicado o ocorrido, e fugiu antes que chegassem as autoridades competentes para tratar do(s) acidente(s).

Para azar do condutor, o estado em que o carro ficou indiciava que ele não poderia ir muito longe. Mas, ainda assim, o homem arriscou.

O que se seguiu foi uma perseguição civil, de um “motovlogger” que não se considera um herói, embora tenha feito questão de apanhar o condutor errático. Mas lá que o Dick Danger – sim, o nome poderá remeter para aqueles filmes para maiores de 18 – terá visto muitas películas de acção, disso, não restam dúvidas. “Queimou” vermelhos e fez manobras algo arriscadas. Contudo, no fim, conseguiu impedir que o condutor do Mercedes continuasse a distribuir “miminhos” estrada fora. É de homem.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Governo

A plateia dos patetas

Maria João Avillez

Um misto de leveza, manha, irresponsabilidade. Uma manipulação a partir do palco do poder para a plateia de patetas onde quem não é da geringonça é suposto estar sentado.

Agências de Rating

De BB+ para BBB-

Luís Aguiar-Conraria

A procissão ainda vai no adro. Para a Fitch e a Moody’s a dívida portuguesa anda é investimento especulativo. E, enquanto estivermos muito endividados, estaremos sujeitos aos maus humores dos mercados

Fernando Medina

Síndrome de Lisboa

Maria João Marques

O carro é um meio de transporte legítimo, os proprietários pagam impostos, pelo que têm direito a usá-lo quando assim lhes for mais confortável e conveniente, sem serem demonizados pelo edil lisboeta.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site