Explicador

E agora, temos mesmo de deixar de comer carne?

Outubro 201526 Outubro 20152.892
Vera Novais

Quais são os riscos de desenvolver cancro devido ao consumo de carne (vermelha e processada)?

Pergunta 1 de 8

Objetivo do grupo de trabalho da Agência Internacional para a Investigação em Cancro da Organização Mundial de Saúde, que incluía 22 cientistas de 10 países, era avaliar a associação entre o consumo de carnes vermelhas e carnes processadas e o risco de desenvolver cancro.

O relatório elaborado classificou o consumo de carne processada como “carcinogénico para humanos” (grupo 1) e o consumo de carne vermelha como “provavelmente carcinogénico” (grupo 2A) com base na revisão de 800 estudos epidemiológicos – trabalhos de investigação científica que relacionam as doenças com as potenciais causas.

Na nota publicada na revista científica The Lancet, os especialistas concluem que por cada 50 gramas de carne processada ingerida diariamente, o risco de desenvolver cancro colorretal aumenta 18% e que para o consumo de 100 gramas de carne vermelha por dia, o risco aumenta 17%. No entanto, não é referido qual a base em relação à qual se dá o aumento, como critica The Atlantic.

Para explicar o que isto pode querer dizer, o Cancer Research UK dá um exemplo: se entre as pessoas que comem pouca carne há 56 pessoas em cada mil no Reino Unido podem desenvolver cancro colorretal, então entre as pessoas que comem muita carne processada haverá 66 pessoas em cada mil que podem desenvolver este tipo de cancro.

A análise dos estudos epidemiológicos permitiu ainda encontrar uma associação entre as carnes vermelhas e os cancros da próstata e do pâncreas, assim como uma associação entre carnes processadas e o cancro do estômago.

O relatório final ainda não se encontra publicado.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site