Um incêndio em mato, no concelho de Amarante, e outro em floresta, em Vila Verde, lavram desde a madrugada deste domingo, comunicou a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC). Em Aboadela, concelho de Amarante, o incêndio em mato iniciou-se às 04h35 da madrugada de hoje, segundo a ANPC.

Um total de 57 elementos (48 bombeiros e oito sapadores florestais), apoiados por 16 veículos, encontra-se no combate ao incêndio, com duas frentes ativas às 08h50. Também ativo com duas frentes, às 09h20, o incêndio em floresta em Atães continuava a ser combatido por 31 bombeiros, com nove viaturas. Nas duas ocorrências, os meios aéreos não foram ainda acionados.

No sábado, a ANPC registou 52 incêndios em mato e floresta, com 787 bombeiros destacados para o combate, apoiados por 215 veículos e com 16 missões de meios aéreos. Na sexta-feira, houve 53 ocorrências, com 1.202 bombeiros envolvidos, 323 veículos e 13 missões de meios aéreos. A Fase Bravo decorre até final do mês. A Fase Charlie – a mais crítica no combate a incêndios – inicia-se a 1 de julho.

Também no concelho de Moimenta da Beira, no distrito de Viseu, mais de seis dezenas de bombeiros, apoiados por dois aviões bombardeiros e 15 veículos, estão a combater neste domingo um incêndio em mato na localidade de Mileu. A Autoridade Nacional de Proteção Civil refere que o incêndio, com início às 10h32, tinha uma frente ativa às 11h55. Além desta ocorrência, um outro incêndio lavra desde as 04h35 em Abobadela, no concelho de Amarante, numa área de mato. Foram já acionados meios aéreos.