A cidade de Washington prepara-se para dois dias de frio extremo. Este é o desenvolvimento mais recente de uma semana que gelou a costa Leste dos EUA, atingindo especialmente os estados da Georgia, Carolina do Sul, Carolina do Norte, Maine e Massachusetts. Espera-se que esta sexta-feira seja um dia para bater vários recordes de picos máximos de frio, com a cidade de Washington a poder chegar aos -18ºC, o que não acontece desde 1994.

Os vários serviços meteorológicos indicam que a capital dos Estados Unidos vai ser atingida por um vórtex polar entre esta quinta e sexta-feira. O vórtex polar é o ar mais frio do hemisfério norte que se localiza normalmente junto ao Ártico durante o inverno, podendo ocasionalmente descer e atingir os países localizados mais a norte. Esta nova vaga de frio, segundo o National Weather Service, está a descer do Canadá e promete instalar-se na Costa Leste dos Estados Unidos da América até ao fim de sexta-feira. A cidade de Washington ficou paralisada na terça-feira depois de um nevão cobrir completamente as estradas, fazendo com que as pessoas não se pudessem deslocar.

Entretanto, vários alertas estaduais durante esta semana têm chamado a atenção das populações para as dificuldades que podem enfrentar nos próximos dias. Pat McCrory, governador da Carolina do Norte disse que o longo período de temperaturas baixas faz com que a situação seja “perigosa”. Em Boston, o presidente da câmara pediu mesmo aos cidadãos que não se atirem da janela das suas casas diretamente para a neve, uma tendência que tem vindo a subir devido aos desafios que correm nas redes sociais (#BostonBlizzardChallenge) e à falta de outros entretenimentos, já que as estradas estão bloqueadas e muitos estabelecimentos fechados. “Parem com esta parvoíce”, disse Marty Walsh, autarca desta cidade norte-americana.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Nos últimos dias foram cancelados mais de 1.600 voos internos nos Estados Unidos e os comboios no norte do Estado da Virginia pararam por completo. Em Washington, os habitantes tentaram tirar algum partido do mau tempo e organizaram uma mega luta de bolas de neve, que reuniu mais de 150 pessoas e foi patrocinada pela associação local de bolas de neve.