Os candidatos à Casa Branca Donald Trump e Jeb Bush voltaram a demonstrar neste sábado a pouca cordialidade que existe entre os dois Republicanos. Desta vez, o tema do debate foi o atentado terrorista de 11 de setembro e a “arena” escolhida foi a rede social Twitter.

Numa entrevista realizada esta sexta-feira pela Bloomberg TV, Trump acusou de negligência o ex-presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, pelos ataques que resultaram na queda das torres gémeas do World Trade Center em Nova Iorque e na morte de 3 mil pessoas.

“Quando você fala sobre George Bush, diga o que disser, o World Trade Center caiu durante o seu mandato”, disse Trump à entrevistadora. Questionado se estava a atribuir a culpa pelo atentado ao ex-presidente americano, Trump repondeu:

“Ele era o presidente, okay? Culpem ele ou não o culpem, mas ele era presidente. O World Trade Center caiu durante o seu governo”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A resposta de Jeb Bush, irmão de George W. Bush, não demorou a chegar. Através da sua conta no Twitter, o governador do estado da Flórida chamou “patético” a Trump:

“Como é patético @realdonaldtrump criticar o presidente pelo 9/11. Fomos atacados e o meu irmão manteve-nos a salvo”, publicou Jeb no Twitter.

Em resposta, Trump escreveu-lhe:

“Não, @JebBush, você é patético por dizer que nada aconteceu durante o mandato do seu irmão quando o World Trade Center foi atacado e caiu”. E continuou:

“@JebBush, goste ou não, o nosso país precisa de mais energia e espírito do que você pode dar”, concluiu.

De acordo com o agregador de sondagens do jornal Huffington Post, Donald Trump aparece em primeiro lugar na média de consultas sobre a preferência de votos dos eleitores republicanos com 29,5%. Jeb Bush surge na quarta posição, com 7,7% da preferência de votos, superado por Ben Carson (20,7%) e Marco Rubio (8,9%).