Sonny Bill Williams, jogador da equipa neozelandesa de râguebi, ofereceu a sua medalha de campeão do mundo a um jovem fã de 14 anos. O episódio aconteceu depois de o rapaz, Charlie Lines, ter sido placado por um segurança ao tentar invadir o campo depois do final do Mundial de râguebi que deu a vitória à Nova Zelândia. 

Williams, que estava a ser fotografado, apercebeu-se do sucedido e interveio junto do segurança. “Estava a andar por ali, a fazer uma volta de honra com os rapazes, quando um jovem apareceu a correr e foi placado por um segurança. Fiquei com pena dele”, contou o jogador ao canal de televisão neozelandês One News. 

4 fotos

O jogador aproximou-se então do rapaz e, num gesto que ficará para a história do râguebi, ofereceu-lhe a sua medalha de ouro. “Se fosse o meu irmão mais novo ou um primo, tinha dado uma sova ao segurança. Mas peguei apenas no miúdo, levei-o para junto de uma senhora mais velha e tentei tornar a noite memorável para ele”, relatou Williams. “É preferível que a medalha esteja no pescoço dele do que no meu.”

Para além da medalha, Charlie ganhou ainda um gorro, oferecido por outro jogador dos All Black. A surpresa do rapaz é bem visível nas fotografias e vídeos captados pelos jornalistas presentes no local. Com a medalha ao pescoço, Charlie nem parecia acreditar na sua sorte. Com um gesto, Sonny Bill Williams acabou por tornar a noite ainda mais especial.