Kendall Jenner e Gigi Hadid que se cuidem. Sara Sampaio chegou para conquistar aquela que é a semana de moda mais importante do mundo. Depois de ter marcado presença na reconhecida New York Fashion Week (e integrado o exército Balmain no início desta semana), a modelo portuguesa foi escolhida pelo criador Elie Saab para ser a estrela do seu desfile de prêt-à-porter para a estação fria na Semana da Moda de Paris. Na apresentação, que decorreu este sábado pelas 15 horas na capital parisiense, o anjo da Victoria’s Secret foi o primeiro manequim a desfilar com um vestido esvoaçante em tons de azul-marinho e deslumbrou quem estava presente.

https://www.instagram.com/p/BClHugJlKct/

Com banda sonora ao vivo do cantor , a manequim de 24 anos atingiu um novo marco de carreira ao dar o pontapé de saída daquele que é um dos desfiles mais mediáticos da Paris Fashion Week e onde estiveram presentes aclamados nomes da imprensa de moda e ainda bloggers internacionais. Uma coisa é certa: nem o tradicional ciao de Chiara Ferragni e o bonjour de Kristina Bazan conseguiram competir com o olá (bem) português e simpático de Sara Sampaio à saída do Espace Ephémère des Tuileries, onde decorreu o desfile.

Foi fantástico abrir o desfile de Elie Saab em Paris. Uma experiência inesquecível“, disse Sara Sampaio ao Observador, à saída do desfile, enquanto um frenesim de fotógrafos e fãs suplicavam por mais uma fotografia e mais uma selfie.

image2

Encontrámos Sara Sampaio após o desfile de Elie Saab enquanto tirava algumas selfies com fãs e era abordada por milhares de fotógrafos. (foto: Um Blog Fashion)

Já na rua, a modelo vestia um casaco cor-de-rosa para enfrentar as temperaturas frias de Paris e apesar do cansaço nos olhos nunca tirou o sorriso da cara.

https://www.instagram.com/p/BCloMYHiRQJ/?taken-by=fraznn

Nem acredito que acabei de abrir Elie Saab. Muito obrigada! Que desfile e coleção espetacular”, partilhou a modelo logo de seguida no Instagram, em forma de agradecimento ao designer que é conhecido pelos seus longos vestidos de gala repletos de detalhes e pormenores.

Um marco fundamental para Sara Sampaio afirmar a sua imagem como um dos modelos do momento e, quem sabe, chegar à capa da Vogue norte-americana liderada por Anna Wintour.

Texto editado por Ana Dias Ferreira.