Os formatos BB e CC Creams criaram todo um “zum zum” em torno dos produtos multifuncionais. Lembra-se do BB Cream Revitalift de L’Oréal Paris que tinha 10 funções, entre elas, hidratar, iluminar e esconder imperfeições? Pois bem, a tendência de combater várias necessidades num só produto veio para ficar — muito para além dos champôs 2-em-1 — e o mercado tem-se tornado mais exigente para simplificar a rotina de beleza das mulheres — se não forem coreanas, é claro.

O Cosmetics Design-Europe, um site que funciona como uma espécie de diário de notícias relacionado com o mercado europeu da cosmética, explica que o consumidor moderno encontra-se dividido entre a simplicidade e a eficácia, criando pressão nas marcas para aumentar e melhorar os produtos chamados “all-in-one solutions” (qualquer coisa como “tudo-em-um”). Abre-se, assim, espaço para cosméticos multifuncionais em que o consumidor pode confiar, quer em termos de simplicidade, quer de eficácia, colocando de lado a ideia de que um produto com vários benefícios é menos eficaz que outro que se foque num só problema.

O crescimento dos “tudo-em-um” na beleza

A liderar o ranking dos produtos mais vendidos, a maquilhagem continua a ultrapassar a cosmética por ser um tipo de produto com resultados imediatos. O NPD Group, que faz análises de mercado, diz que, em 2015, houve um aumento da procura de produtos para contouring e strobing que coincidiu com uma quebra nas vendas de produtos de pele. No entanto, no futuro é provável que haja uma inversão desta tendência e a maquilhagem deixe de liderar. O mercado de cuidados de pele e anti-envelhecimento não vai abrandar e estima-se que, em 2019, atinja os 170 mil milhões de euros e, em 2025, 1 bilião, um número demasiado comprido para tentarmos simplificar.

Não é por isso de estranhar que a procura por este tipo de produtos multifuncionais tenha aumentado, na Europa, 350% no último ano. Os cuidados de pele estão a tornar-se, cada vez mais, uma das principais forças da indústria da beleza. Imagine que quer combater o envelhecimento mas ao mesmo tempo as manchas de pigmentação que já tem na pele. O que é que faz? Tem de usar um produto anti-aging e um produto anti-manchas. Não faria mais sentido se pudesse usar um único produto que combatesse as duas necessidades? É esta a filosofia por trás dos cosméticos multifuncionais que procuram simplificar os cuidados de beleza ao mesmo tempo que atacam várias frentes.

Algumas das principais marcas de cosmética têm estado a investir as suas investigações em produtos que respondam a múltiplas preocupações como Shiseido, La Prairie, Vichy ou NOVexpert. Veja, na fotogaleria, 13 sugestões “tudo-em-um. Algumas são novidades no mercado português, outras têm passado despercebidas nas prateleiras mas todas vão simplificar a sua rotina.