O Caixabank reforçou a sua posição no Banco BPI, com a compra, entre 5 e 12 de maio, de 2.430.760 ações, representativas de 0,167% do capital social e direitos de voto, segundo comunicado colocado no sítio da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). O Caixabank passou a deter diretamente 44,71% do capital social e 44,88% dos direitos de voto no banco, considerando a existência de 0,38% de ações próprias.

O banco catalão lançou, em abril passado, uma oferta pública de aquisição sobre o BPI em que se dispõe a pagar 1,113 euros por cada ação da entidade alvo da operação. O CaixaBank justifica o preço com a explicação de que reflete “a média ponderada da cotação nos últimos seis meses e pressupõe uma avaliação do BPI de 1.622 milhões de euros”. A operação incide sobre todas as ações que o CaixaBank ainda não controla.