Leonardo Jardim vai permanecer no cargo de treinador do Mónaco na próxima época, anunciou hoje o vice-presidente do clube da liga francesa de futebol, Vasim Vasilyev.

“Tivemos uma reunião ontem [sexta-feira], ele [Leonardo Jardim], o presidente [Dmitry Rybolovlev] e eu. Decidimos pela continuidade e estabilidade. Leonardo Jardim continua a merecer a nossa confiança para este projeto. Mostrou a sua ambição e que está a 200 por cento”, disse Vasilyev à agência AFP.

O vice-presidente do clube monegasco prometeu para a próxima época “uma equipa ainda mais forte”, depois do terceiro lugar na última edição da liga francesa, que permitirá à equipa de Jardim disputar a pré-eliminatória de acesso à Liga dos Campeões.

Em jeito de balanço à época que terminou, Vasim Vasilyev destacou “o pódio [na liga francesa]” e a “projeção de alguns jogadores mais jovens”.

“Mas o facto de termos perdido o segundo lugar na reta final e não termos ganhado qualquer troféu foram verdadeiras deceções”, reconheceu o dirigente.

Desta forma, os objetivos para a próxima época passam por, pelo menos, o segundo lugar no campeonato, que dá acesso direto à ‘Champions’, “e um troféu”.

“Não vão ser objetivos fáceis. O Lyon, até com o seu novo estádio, estará mais forte. E outros também. Mas a nossa equipa também estará mais forte, os mais jovens melhor preparados, o Falcão [que esteve emprestado ao Chelsea] voltará a ser uma mais-valia e o nosso setor defensivo será reforçado”, assegurou o ‘vice’ monegasco.