Inspirado no conceito difundido com o Shelby Cobra, o Design-1 é o primeiro produto da recentemente constituída, no Dubai, marca de automóveis Jannarelly, propriedade de Anthony Jannarelly e do fabricante de barcos e especialista em materiais compósitos Frederic Juillot, ambos proprietários da Caterham.

Trata-se de um roadster de dois lugares, com um motor V6 3,5 litros atmosférico com 309 cv de potência e 371 Nm de binário, associado a uma transmissão manual de seis velocidades e a um diferencial autoblocante. Segundo dados divulgados pelo fabricante, o modelo acelera dos 0 aos 100 km/h em cerca de 4, 0 segundos e atinge uma velocidade máxima de 220 km/h.

5 fotos

Com um peso total de apenas 710 kg, graças à utilização massiva da fibra de vidro e carbono nos diferentes painéis, os quais têm por base um chassi tubular, o Jannarelly Design-1 mede quase 3,9 m de comprimento, 1,8 m de largura, perto de 1,1 m de altura, além de exibir uma distância entre eixos de pouco mais de 2,4 m.

Como sistema de travagem, por detrás de rodas de 16″ com pneus Toyo R888, estão discos ventilados com pinças de quatro pistons à frente e não ventilados com maxilas de dois pistons atrás.

Sem grandes atributos tecnológicos, o Jannarelly Design-1 é, de acordo com os seus criadores, um “automóvel simples com uma personalidade forte, pensado segundo a ingenuidade e estilo de vida dos anos 60”.

Nos planos da marca está desde já o início da comercialização do modelo no Médio Oriente e na Europa, sendo que a entrada no mercado norte-americano está dependente apenas de encontrar um distribuidor.

Com um preço a rondar os 55 mil dólares, cerca de 48.000€, impostos excluídos, as primeiras unidades do Jannarelly Design-1 só deverão chegar aos clientes no último quadrimestre de 2016.