Assim que teve conhecimento da tragédia em Munique, onde um atirador disparou sobre dezenas de pessoas e fez dez vítimas mortais, Marcelo Rebelo de Sousa enviou uma mensagem ao presidente alemão, expressando a solidariedade de Portugal para com a Alemanha.

“Tive ocasião de, mal tive conhecimento da tragédia, enviar uma mensagem ao presidente alemão, expressando em nome do povo português o horror por aquele tipo de ataque, pelas vítimas, solidariedade em relação aos familiares das vítimas mortais e em relação aos feridos”, reforçou este sábado Marcelo Rebelo de Sousa.

O Presidente frisou ainda que está preocupado com a “multiplicação destes casos, que independentemente que terem ou não ligações [com o ISIS] representam o criar de uma insegurança que não é boa para a Europa”. E sublinhou:

A Europa acaba por viver um clima de insegurança e a insegurança é muito negativa para a democracia e para a paz para a Europa em geral e na União Europeia em particular.”

O Presidente falou à margem de um encontro de amigos de Cavaco Silva, ex-presidente da República, por onde passou para prestar também a sua homenagem.