Um tiro disparado de forma acidental por um agente de segurança fez dois feridos sem gravidade durante uma cerimónia pública onde discursava o Presidente francês, François Hollande.

O chefe de Estado francês discursava na inauguração de um troço de alta velocidade que ligará Bordéus a Paris, quando foi surpreendido pelo som da arma a disparar. No entanto, poucos no local perceberam o que de facto se tinha passado. Segundo relatam os órgãos de comunicação presentes, Hollande ainda demonstrou alguma preocupação: “Espero que não tenha sido grave”, deixar escapar o Presidente francês, prosseguindo depois o discurso.

De acordo com o Le Parisien, o autor do disparo faz parte de uma elite de segurança da polícia francesa que assegura a proteção do Presidente. O incidente aconteceu quando, ao manejar a arma que carregava, o agente de segurança acabou por disparar involuntariamente, atingido duas pessoas de raspão.

Como dita o protocolo, o Ministério Público francês vai investigar o sucedido e, se assim se justificar, ordenar a abertura de um inquérito. Nenhum dos feridos corre qualquer risco de vida.