O presidente Donald Trump publicou dois tweets esta quinta-feira onde garante que não fez nem tem nenhumas gravações das conversas que teve com James Comey, o ex-diretor do FBI que despediu no mês passado. O presidente dos Estados Unidos disse ainda que não sabe sequer se existem gravações.

Com toda a vigilância eletrónica recentemente relatada, interseções, desmascaramento e divulgação ilegal de informações, não tenho ideia se há “ficheiros”ou gravações das minhas conversas com James Comey, mas não fiz, e não tenho, quaisquer gravações”, pode ler-se nos dois tweets na conta de Donald Trump.

As publicações desta quinta-feira vêm contrariar um tweet do passado dia 12 de maio, em que Donald Trump colocava a possibilidade de haver gravações dessas conversas. O presidente norte-americano acusava ainda Comey de passar à imprensa relatos das conversas.

Este tweet foi publicado em resposta a um artigo do The New York Times que revelava que Trump teria exigido a James Colmey que lhe jurasse lealdade num jantar a dois poucos dias depois da eleição.

No início deste mês, o comité de inteligência do Senado pediu à Casa Branca que entregasse qualquer gravações que pudessem existir.