James Bond é um homem de muitos mistérios. Por isso talvez não seja surpreendente ainda não se conhecer o ator que assumirá esta personagem no próximo filme do agente secreto. Mas já se sabe quando haverá um novo 007: a empresa cinematográfica Eon Productions, que produz a saga, e a Metro Goldwyn Mayer, a proprietários dos direitos de Bond, disseram na passada terça-feira, que será lançado em novembro de 2019.

Apesar de muito se especular que será Daniel Craig a interpretar a personagem, ainda não há certezas. O New York Times cita duas fontes anónimas que afirmam que Craig, que já tinha apareceu em quatro filmes do 007, vai voltar para o 25.º filme da saga.

Resta saber como terão convencido o actor, uma vez que depois de filmar o último filme da saga, o ator afirmou “preferir partir um copo e cortar os pulsos” do que filmar um outro filme do 007.

Se eu fizesse um outro filme de Bond, seria só pelo dinheiro”, afirmou Craig citado pelo The Telegraph.

Daniel Craig terá 51 anos de idade quando o filme for lançado, e ainda assim será mais novo do que Roger Moore e Sean Connery que tinha 57 e 53 anos, respetivamente, quando filmaram as suas últimas participações enquanto 007.

A Eon e a MGM não confirmaram nenhum elemento do elenco ou de quem irá ser o diretor. Há rumores que apontam que será Christopher Nolan a ocupar a cadeira de diretor.

O novo filme será conhecido como “Bond 25” e será escrito por Neal Purvis e Robert Wade, que trabalharam nos últimos seis filmes.

O último Bond, Spectre, foi lançado em 2015.