E se em vez de passar o dia a puxar pela cabeça para decidir o que fazer para o jantar, tiver alguém que o decide por si e, melhor, com uma sugestão bem saudável? A BCook é portuguesa e não, não é um serviço de pronto a comer ao domicílio. Em vez disso, entrega-lhe uma caixa em casa, ou no trabalho, com todos os ingredientes necessários e nas doses certas para confecionar uma refeição. As calorias e nutrientes são contados um a um e tudo isto sem lhe roubar o prazer de cozinhar.

“O que fizemos foi tornar as refeições saudáveis e variadas mais fáceis, sem desperdícios no frigorífico e sem que os clientes tenham de se preocupar em ir às compras. No final, foi só conseguir que tudo isto coubesse dentro de uma caixa”, afirma Miguel Silva, um dos três sócios fundadores da BCook, um novo serviço que já está a ser preparado há um ano e meio.

Carne, peixe, legumes, massa, arroz e temperos. Tudo o que precisa para levar a receita à mesa está dentro da caixa. © Divulgação

Até ao momento em que a dita caixa lhe bate à porta, tudo acontece online. Todas as semanas, a BCook apresenta quatro receitas — uma de carne, uma de peixe, uma vegetariana e uma quarta que vai rodando entre as outras três categorias –, das quais pode encomendar até três por semana. Esta semana, por exemplo, há vaca e legumes com molho de soja e amendoim, moqueca de peixe, falafel saudável com salada de pepino e moussaka vegetariana.

No que toca às quantidades, pode selecionar se é para duas, três ou quatro pessoas. Dentro da caixa, além dos ingredientes, já nas quantidades certas para que não tenha de guardar nada no frigorífico, vem a receita explicada tintim por tintim e, se for a sua semana de estreia, recebe também um avental. Sal e pimenta, toda a gente tem em casa. De resto, está tudo incluído no pacote, da carne e do peixe às ervas aromáticas para finalizar o empratamento. Neste campeonato, pode sempre inspirar-se nas imagens que vêm com as receitas, porque todas elas foram pensadas ao milímetro pela food stylist Patrícia Ribeiro.

As receitas? São elaboradas o suficiente para poder impressionar os amigos que convidou para jantar, mas também rápidas, com um tempo de preparação que raramente excede os 30 minutos. Quem as preparou, pensou em tudo. “Temos um palato cada vez mais exigente, mas não temos tempo”, explica Mónica Pereira, a chef de serviço. Elaborou 40 receitas diferentes, só para o primeiro trimestre da BCook, e não ficou pela cozinha portuguesa. Há toques asiáticos, africanos e até da América Latina (são estes os pratos com mais potencial para causar um brilharete em frente aos convidados). Mónica explica ainda que algumas das receitas incluem ingredientes mais exóticos, difíceis de encontrar no supermercado, e que, de outra forma, dificilmente as faríamos em casa.

Uma das receitas da BCook: salmão em papelotes com molho de maracujá. © Divulgação

“Queremos ser uma referência quando se pensa na reformulação da alimentação das famílias portuguesas”, acrescenta Miguel. Para isso, é essencial que os ingredientes sejam frescos. É aqui que entra Joe Best, uma outra peça da equipa. Apesar de também ser chef, o papel aqui é outro, o de selecionar produtores e produtos. Sempre que possível, os ingredientes são biológicos, provêm de produtores locais e fazem parte das especialidades da época.

Mónica Pereira não trabalhou sozinha. Do outro lado da bancada da cozinha esteve a nutricionista Tânia Barbosa, que garantiu o equilíbrio entre legumes, proteínas, açúcares e gordura. É por isso que cada receita partilhada no site e enviada para casa dos BCookers (é o que chamam aos clientes) tem uma ficha de informação nutricional bem esmiuçada.

O serviço é inédito em Portugal, mas segue modelos que operam noutros países. Um dos exemplos mais populares é a Blue Apron, fundada em 2012, em Nova Iorque. A empresa atingiu um milhão de clientes no primeiro trimestre deste ano, depois de, em 2016, ter visto os seus lucros chegarem muito perto dos 800 milhões de dólares (cerca de 670 milhões de euros).

A BCook partilha da mesma vontade de levar as pessoas para a cozinha. Tanto que até criou um blogue onde partilha textos sobre alguns ingredientes chave para uma dieta saudável, novas tendências na área dos alimentos e truques de cozinha. Estes últimos também estão disponíveis num canal do YouTube. Ao mesmo tempo, convida os BCookers a partilhar as suas experiências de avental posto. O serviço está disponível por subscrição, com entregas às terças e quintas-feiras, com a possibilidade de ter em casa duas ou três receitas por semana. Nesse caso, os preços começam nos 34,80€ (duas receitas para duas pessoas) e vão até aos 97,20€ (três receitas para quatro pessoas), sendo que pode sempre cancelar ou alterar a subscrição. A alternativa é a encomenda isolada, em que o custo para uma única receita para o mínimo de duas pessoas fica por 19,90€. O objetivo é crescer, mas por enquanto a BCook abrange os concelhos de Lisboa, Amadora, Odivelas e Oeiras e algumas freguesias de Cascais, Sintra e Loures.

Nome: BCook
Horário: Entregas às terças e quintas-feiras, entre as 15h e as 21h
Preços: De 19,90€ (uma receita para duas pessoas, numa encomenda isolada) até 97,20€ (três receitas para quatro pessoas, no serviço de subscrição)
Telefone: 96 740 4504
Site: www.bcook.pt