A justiça norte-americana está a investigar a escolha do Rio de Janeiro para receber os Jogos Olímpicos em 2016, devido a suspeitas de compra de votos e de corrupção, avança o jornal económico norte-americano Wall Street Journal. De acordo com o jornal, o FBI estará a liderar a investigação e a justiça já reuniu um grande júri para avaliar se houve compra de votos e corrupção na atribuição de contratos de elevado montante relativamente aos direitos televisivos e de marketing.

A investigação acontece em paralelo com investigações que estarão a ser realizadas pelas autoridades brasileiras e francesas à suspeita de atividade criminosa nos jogos do Rio de Janeiro e outras competições de atletismo internacionais.

O jornal diz que teve acesso a intimações que dão conta que o grande júri que foi reunido em Brooklyn, Nova Iorque, terá convocado testemunhas e pedido documentos relacionados com a investigação. A equipa que do FBI e do Departamento de Justiça envolvidos na investigação são os mesmos que estão a investigar um esquema do Estado russo para facilitar e promover o doping entre os atletas olímpicos russos.

As autoridades norte-americanas terão sido convidadas há cerca de um ano a participarem na investigação da justiça brasileira e francesa aos Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro. Essa investigação já levou à detenção do antigo presidente do Comité Olímpico brasileiro.