INEM

Funcionários do INEM suspeitos de uso indevido de cartões de abastecimento de combustível

Pelo menos 24 funcionários do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) são suspeitos de usar os cartões da frota do serviço para abastecer indevidamente viaturas particulares.

ANTÓNIO COTRIM/LUSA

Mais sobre

Pelo menos 24 funcionários do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) são suspeitos de usar os cartões da frota do serviço para abastecer indevidamente viaturas particulares.

A notícia é avançada pelo Expresso que refere que os suspeitos são maioritariamente técnicos de emergência pré-hospitalar, desempenhando funções como tripulantes de ambulância. Em declarações ao jornal, responsáveis do INEM afirmaram que “situações foram imediatamente reportadas à Divisão de Investigação Criminal da PSP, encontrando-se a decorrer a respetiva investigação”.

A publicação refere ainda que já tinham sido detetados casos semelhantes este ano, tendo sido já instaurados dois processos disciplinares. Segundo a direção do INEM, os protocolos de funcionamento do serviço foram reforçados, o que permitiu “identificar e verificar potenciais irregularidades”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)