A taxa de desemprego na Alemanha desceu para 5,1% em julho, o nível mais baixo registado num mês de julho desde a reunificação alemã em 1990, informou esta terça-feira a agência federal de emprego alemã.

Em termos absolutos, em julho estavam sem emprego 2,325 milhões de pessoas, menos 193 mil face a julho de 2017 e mais 49 mil face a junho deste ano, atribuído a razões sazonais.

Em julho, o desemprego costuma aumentar na Alemanha porque muitos jovens terminam as respetivas formações e inscrevem-se como desempregados de curto prazo. Por outro lado, as empresas costumam esperar pelo fim do verão para fazer novas contratações.