A Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) recebeu no Congresso anual do Cancro, em Kuala Lumpur, Malásia, o prémio World Cancer Day Spirit Award, atribuído pela UICC – Union for International Cancer Control, anunciou esta quarta-feira a LPCC.

Portugal integrava o grupo de quatro finalistas para receber o prémio internacional que contou com a participação de mais de 200 países. Além de Portugal os outros três candidatos eram Chipre, Nigéria e Myanmar (antiga Birmânia).

A Liga Portuguesa Contra o Cancro foi vencedora pelo seu trabalho efetuado em termos locais, regionais e nacionais, nomeadamente no âmbito do Dia Mundial do Cancro, que se assinala a 4 de fevereiro, organizado mundialmente pela UICC. A LPCC dinamiza atividades em todo o país em parceria com várias entidades e instituições de diversos setores da sociedade. “O sucesso e impacto alcançado ano após ano justifica o reconhecimento deste prémio”, sublinha a Liga.

Em comunicado, a Liga dá também conta da eleição de uma portuguesa, pela primeira vez, para a direção da UICC, maior organização mundial de luta contra o cancro, tendo sido selecionada entre uma centena de candidatos. “Este reconhecimento europeu e internacional é de extrema importância, nomeadamente pela possibilidade que oferece de enquadrar todo o trabalho desenvolvido numa escala global, potencializando assim a mensagem a transmitir”, acrescenta.

A UICC reúne mais de mil organizações de apoio aos doentes oncológicos, entre ligas, institutos de investigação, centros de tratamento e hospitais, entre outras, de 162 países. As organizações que integram a UICC funcionam como um movimento internacional que visa colocar a luta contra o cancro no topo da agenda global de saúde.