Angela Merkel

Annegret Kramp-Karrenbauer é a sucessora de Merkel

252

Annegret Kramp-Karrenbauer é a sucessora de Merkel na liderança da União Democrata Cristã. A até agora secretária-geral do partido segue a linha política da chanceler alemã.

A eleição foi feita esta sexta-feira, em Hamburgo no congresso do partido União Democrata Cristã

ODD ANDERSEN/AFP/Getty Images

A sucessora de Angela Merkel na liderança do partido União Democrata Cristã (CDU) já foi eleita com 517 votos dos 999: Annegret Kramp-Karrenbauer, até agora, secretária-geral do partido. A eleição foi feita esta sexta-feira, na cidade de Hamburgo no congresso do partido.

Os delegados escolheram Annegret Kramp-Karrenbauer, apelidada de “Mini-Merkel”, na segunda ronda de votações. A vitória foi renhida: Kramp-Karrenbauer ficou separada por apenas 35 votos do candidato Friedrich Merz, advogado e empresário apelidado de “Anti-Merkel”, que recebeu 482 votos. O terceiro candidato Jens Spahn, atual ministro da Saúde, foi perdeu a corrida na primeira ronda de votações.

A sucessora, que segue a linha política da chanceler alemã, estava entre os dois candidatos favoritos à liderança do partido e era também a favorita de Merkel. Kramp-Karrenbauer tinha sido escolhida por Merkel para secretária-geral do partido —  cargo que ocupa desde fevereiro deste ano.

Merkel é a chefe do governo alemão há 13 anos e líder da CDU há 18. A 29 de outubro, revelou a intenção de não se recandidatar à liderança do partido. Ainda assim, Angela Merkel planeia cumprir o seu mandato por inteiro e, por isso, continuar a ser chanceler até 2021.

Assim, Annegret Kramp-Karrenbauer não se torna automaticamente chanceler mas, agora na liderança do partido, poderá assumir o cargo político caso Merkel se demita ou, no final do seu mandato, caso vença as eleições.

    Se tiver uma história que queira partilhar ou informações que considere importantes sobre abusos sexuais na Igreja em Portugal, pode contactar o Observador de várias formas — com a certeza de que garantiremos o seu anonimato, se assim o pretender:

  1. Pode preencher este formulário;
  2. Pode enviar-nos um email para abusos@observador.pt ou, pessoalmente, para Sónia Simões (ssimoes@observador.pt) ou para João Francisco Gomes (jfgomes@observador.pt);
  3. Pode contactar-nos através do WhatsApp para o número 913 513 883;
  4. Ou pode ligar-nos pelo mesmo número: 913 513 883.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: cbranco@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)