Rádio Observador

Oeiras

Jovem de 19 anos detido por roubar e agredir estafetas de pizzarias em Oeiras

228

O suspeito tinha já antecedentes criminais quando foi detido. As agressões e os roubos decorriam no momento da entrega das encomendas que fazia. O rapaz é suspeito de oito crimes de roubo.

A PSP procedeu à detenção, fora de flagrante delito, na quinta-feira, dia 7 de fevereiro, na localidade de Porto Salvo, Oeiras

JOÃO PORFÍRIO/OBSERVADOR

A PSP deteve, em Porto Salvo, Oeiras, um jovem de 19 anos por oito crimes de roubo, três deles de forma tentada, contra estafetas de pizzarias, sendo-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva, foi anunciado no domingo.

“O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da divisão policial de Oeiras, no dia 7 de fevereiro [quinta-feira], na localidade de Porto Salvo — Oeiras, procedeu à detenção, fora de flagrante delito, de um homem com 19 anos de idade, pela autoria de oito crimes de roubo (três deles na forma tentada), todos praticados contra estafetas de pizzarias”, disse, em comunicado, a PSP.

De acordo com as autoridades, o suspeito, que tinha antecedentes criminais, já vinha há vários meses a encomendar pizzas, massas e refrigerantes a diversas pizzarias, solicitando a entrega em diversas moradas da zona de Porto Salvo. Quando os estafetas se deslocavam para fazer a entrega eram ameaçados e agredidos pelo arguido, que “lhes subtraía ou coagia a que entregassem os artigos”, fugindo depois para parte incerta.

O jovem foi presente no sábado ao primeiro interrogatório judicial do juízo de instrução criminal da Comarca de Lisboa Oeste, sendo-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva. A PSP informou ainda que, em paralelo, corre um outro processo contra o mesmo homem por dois crimes de roubo agravado, nos quais o arguido “terá subtraído a dois jovens telemóveis com recurso a uma reprodução de arma de fogo e uma faca”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Política

Alguns mitos da democracia portuguesa /premium

André Abrantes Amaral

Alguns mitos desta democracia: que está tudo bem, que os portugueses são racistas e que a direita não existe porque é socialista. Contudo, como sucede com os verdadeiros mitos, estes também são falsos

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)