Aqui jaz uma equipa que fez história“. Este foi o título que o jornal Marca escolheu para noticiar a derrota do Real Madrid frente ao Ajax (1-4) na noite desta terça-feira, no Estádio do Bernabéu. A frase é dura, crua. Como pano de fundo da inscrição vê-se as bancadas do estádio a ficarem vazias — como o relvado. O resultado no ecrã do estádio conta a história de um jogo que não foi apenas uma derrota pesada para os merengues. O subtítulo escolhido explica porquê — e não é simpático. “Humilhante fim de um ciclo irrepetível“, pode ler-se.

O jornal “AS” foi menos dramático. “Semana trágica“. As letras garrafais sobre uma fotografia da equipa do Ajax a festejar no relvado resumem não apenas o encontro mas também a má fase que o clube merengue está a atravessar. O desportivo conta ainda que no fim do jogo os adeptos do clube espanhol pediram a demissão do presidente, Florentino Pérez, e cantaram pela estrela portuguesa que partiu no final da temporada passada: Cristiano Ronaldo. “Em seis dias o Real Madrid ficou sem taça, sem liga e sem Champions“, recorda ainda o diário. Ao contrário da marca, este não foi o único tema de capa.

o Mundo Deportivo optou por fazer uma primeira página totalmente dedicada ao Real Madrid. “Nada de nada“, escreve o desportivo espanhol. Numa capa bipartida, a imagem de cima reflete a desilusão da equipa madrilena e a de baixo destaca a alegria e a festa dos holandeses do Ajax. Cada equipa merece uma frase. “O Madrid cai com estrondo e consuma o fiasco: perde Champions, Liga e Taça em seis dias” vs. “Um enorma Ajax dá um recital de futebol e causa um terramoto de consequências imprevisíveis”.

O jornal “Sport” escolheu a imagem de um jogador do Real Madrid a tapar a cara para encher a capa e ilustrar a desilusão que se vive por estes dias em terras merengues. “Fim de uma era” é o título escolhido para acompanhar a imagem. “O Real Madrid sofre um embaraçoso KO no Bernabéu que atira a equipa para fora da Champions”, acrescenta-se em letras mais pequenas. O desportivo catalão recorda ainda os pedidos de demissão que os adeptos dirigiram ao presidente do clube, Florentino Pérez.

Mas não é só nos desportivos que o descalabro do Real Madrid merece destaque. Também nos generalistas “El País” e no “La Vanguardia” há chamadas de primeira página referentes à eliminação do clube da liga milionária. “O Madrid perde tudo” e “Temporada em branco e crise institucional no Madrid” são, respetivamente, os títulos escolhidos pelos dois diários.