Patricia Dowdy, enfermeira que trabalhou com o cientista Stephen Hawking durante 15 anos, está a ser ouvida no âmbito de um processo disciplinar por “má conduta séria” nos cuidados de saúde que prestou ao cientista, noticia o jornal britânico The Independent. Patricia Dowdy tem atualmente 61 anos.

O processo de inquérito, impulsionado pela associação que regula o setor no Reino Unido — Nursing and Midwifery Council –, começou em fevereiro e vai terminar a 21 de março. Patricia Dowdy tinha sido suspensa interinamente como enfermeira em 2016, refere a BBC.

A alegada “má conduta” da enfermeira, que nasceu em Ipswich, terá tido lugar em Cambridge, quando Patricia Dowdy era responsável pelos cuidados de saúde do cientista. Stephen Hawking morreu em março do ano passado, com 76 anos, precisamente na sua casa em Cambridge.

Entre várias publicações científicas, o revolucionário cientista, que viveu décadas restringido na sua mobilidade a uma cadeira de rodas e na fala dependia do apoio de um sistema tecnológico face a uma doença degenerativa, foi o autor de um dos maiores best-sellers da literatura científica: “A Brief History of Time” vendeu mais de dez milhões de exemplares.