Rádio Observador

SEAT

Seat surpreende: el-Born será o mais desportivo

Em vésperas de a Volkswagen abrir as pré-reservas do ID. 3, os espanhóis avançam novos dados relativos ao primeiro eléctrico da Seat. O el-Born difere do mano no preço e nas especificações (melhores).

O el-Born é o primeiro eléctrico a bateria da Seat e é, também, o segundo compacto do Grupo Volkswagen a ser montado sobre a plataforma que a VW desenvolveu especificamente para a sua família de eléctricos. Contudo, a marca espanhola surpreendeu ao apresentar, na última edição do Salão de Genebra, um protótipo que, de protótipo, pouco tinha, revelando um modelo cuja versão de produção pouco deveria de diferir face ao concept. Isto, enquanto a Volkswagen mostrou o ID. 3 pela primeira vez em 2016, como showcar, e desde então o hatchback pouco mais revelou do que diferentes camuflagens.

Agora que o primeiro modelo da nova família de eléctricos está prestes a revelar novos detalhes, e quem sabe até deixar cair a camuflagem, pois amanhã vão abrir as pré-reservas para a edição de lançamento ID. 3 1st Edition, eis que a Seat volta a antecipar-se revelando pormenores do el-Born. Curiosamente, na véspera do “lançamento” do mano alemão…

Com base em fontes da marca, os espanhóis revelam que o primeiro modelo a dar o pontapé de saída na ofensiva eléctrica da Seat vai chegar em Novembro de 2020, sendo que os técnicos de Martorell já estarão a trabalhar na versão de produção. Confirma-se que esta poucas diferenças apresentará face ao protótipo que a antecipa, mantendo grande parte das soluções estilísticas. A secção dianteira praticamente não muda nada, enquanto atrás é certo que se irão manter os grupos ópticos em formato triangular. Por dentro, a aposta vai não só para o amplo espaço a bordo, cortesia de uma distância entre eixos de 2,7 metros, como também para uma atmosfera mais desportiva, pois o el-Born pretende posicionar-se como o compacto eléctrico “mais desportivo” do Grupo Volkswagen.

Porém, esse posicionamento não se esgota na decoração do interior, onde sobressaem os pormenores em alumínio e em carbono, passando pelo “detalhe” de os bancos terem o encosto de cabeça integrado, evocando baquets. Melhor do que parecer desportivo, é sê-lo. Por isso, ao que tudo indica, a Seat vai recorrer a todo o armamento do ID. 3 (plataforma e motor eléctrico de 204 cv montado no eixo traseiro), mas prescinde da bateria de menor capacidade. E, como se não bastasse propor apenas o melhor em termos de acumuladores, ou seja, as versões de 62 e 83 kWh, que garantem 420 km e 550 km de autonomia em WLTP, fontes da marca adiantam que a oferta será complementada, lá mais para frente, com uma bateria capaz de superar os 600 km de alcance com uma carga completa!

Pesquisa de carros novos

Filtre por marca, modelo, preço, potência e muitas outras caraterísticas, para encontrar o seu carro novo perfeito.

Pesquisa de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: scarvalho@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)