Volkswagen

Volkswagen prepara eléctrico abaixo dos 20.000€

325

Na abertura das pré-reservas do ID.3, a Volkswagen disse que vai apresentar outra novidade eléctrica na próxima edição do Salão de Fankfurt. Imprensa alemã fala em subcompacto produzido na Eslováquia.

No pré-lançamento comercial do primeiro eléctrico da nova família ID, Jürgen Stackmann, que integra o conselho de administração da Volkswagen, revelou que a marca alemã planeia apresentar em Frankfurt, lado a lado com o ID.3, um novo eléctrico.

Como a nova família eléctrica não tem mais por onde crescer para cima, pois já são conhecidos os protótipos que antecipam modelos de segmentos superiores – Buzz, Crozz, Vizzion, Roomzz, Buggy –, é razoável esperar que o construtor alemão planeie desvendar o concept que servirá de base ao prometido BEV abaixo dos 20.000€.

As informações agora avançadas pelo jornal alemão Handelsblatt fazem nova luz sobre esta matéria, pois dão conta de uma alteração dos planos de produção por parte da Volkswagen, deslocando o fabrico de um pequeno e acessível eléctrico da Alemanha para a Eslováquia. A medida, entre outras vantagens, traduzir-se-á numa redução dos custos salariais, permitindo assim produzir um eléctrico com custos mais baixos e vendê-lo por valores mais competitivos.

Segundo o periódico germânico, o ID.3 será produzido em Zwickau, tal como previsto, mas o BEV baratinho não será fabricado em Emden. Em vez disso, a fábrica alemã deverá ocupar-se da versão de produção do ID Crozz, inicialmente atribuída também a Zwickau. Enquanto isso, a unidade fabril da Bratislava (Eslováquia), de onde saem actualmente os citadinos do Grupo Volkswagen (Volkswagen e-up!, Seat Mii e Skoda Citigo), passará a fabricar os pequenos eléctricos que o conglomerado alemão vai montar sobre uma versão simplificada da plataforma MEB.

Com a deslocação do Crozz de Zwickau, na imagem, para outra fábrica alemã, o BEV mais barato da Volkswagen deverá ser produzido no Leste

Para já, há pouquíssimos detalhes sobre o projecto. Pode ser um ID.1, mas é muito mais provável que em Frankfurt surja o concept que antecipa o ID.2, um BEV a meio caminho entre o segmento dos subcompactos e o dos compactos, com uma maior altura ao solo para lhe conferir a tão apreciada estética crossover e um comprimento similar ao do SUV T-Roc, na casa dos 4 metros. Oferecerá lugar para cinco ocupantes, autonomia superior à que agora oferece o e-Golf e tracção apenas dianteira. Em linha, portanto, com aquilo que a Renault pretende propor com o K-ZE.

A adaptação da arquitectura MEB às novas exigências de garantir um valor final abaixo dos 20.000€ foi entregue à Seat, tendo a marca espanhola 300 engenheiros a trabalhar neste projecto. Enquanto não há novos dados acerca deste hipotético ID. 2, fica a indicação de que só estará na rua em 2023 ou, na pior das hipóteses, em 2024.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: scarvalho@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)