Cinquenta espetáculos de música e dança acontecem em cinco espaços junto ao rio Lis nos dias 09 e 10 de junho, no âmbito do festival Beira Rio, organizado pelo Orfeão de Leiria.

Ao todo, vão estar envolvidos cerca de 500 participantes, entre profissionais, semiprofissionais e alunos, todos ligados ao projeto do conservatório de Leiria.

“Serão dois dias fantásticos de música e dança a decorrer em simultâneo em cinco espaços distintos junto ao Lis, que incluem uma sala de espetáculos convencional, um espaço ao ar livre, uma igreja e dois espaços museológicos”, refere o presidente do Orfeão de Leiria, em nota divulgada pela instituição.

Na maratona de espetáculos vão estar envolvidas as escolas de música e dança do Orfeão, o coro e Conservatório Sénior. Ao longo dos dois dias atuam diversas formações, como a Big Band do Orfeão, Orquestra de Sopros, Orquestra de Flautas e Orquestra de Cordas.

A abertura do festival Beira Rio é dia 09, às 17:30, no Teatro José Lúcio da Silva, com o espetáculo “A dança do tempo”, criação que promete revelar os caminhos da história da dança, recorrendo a vários estilos, do estilo clássico ao contemporâneo, até à atualidade.

O espetáculo de encerramento, no Jardim de Santo Agostinho, ao final da tarde dia 10, terá a presença do grupo convidado Finka-Pé – As Batucadeiras de Cabo Verde.