Depois da renovação ou realização de primeiro contrato profissional com vários jogadores da formação, o Sporting encontra-se agora a fechar uma série de negociações com elementos da equipa principal para prolongar a ligação ao clube e já existe fumo branco numa das prioridades dos responsáveis da SAD verde e branca: Sebastián Coates, central uruguaio que chegou a Alvalade em janeiro de 2017, renovou com os leões até 2023.

Em paralelo, o número 4, que está prestes a subir a número 1 da hierarquia de capitães com a mais do que provável saída de Bruno Fernandes para o Manchester United, fica ainda com mais um ano de opção.

“Estou feliz. Tanto eu como a minha família estamos muito bem em Portugal e no Sporting. Deixa-me muito feliz que o clube continue a confiar em mim e espero poder retribuir esta confiança. Quero continuar a trabalhar da mesma forma e escrever a história do clube conquistando títulos. O Sporting é um clube muito importante em Portugal e na Europa. Para mim, que venho da América do Sul, jogar num clube como o Sporting é gratificante”, referiu o internacional uruguaio em declarações ao canal do clube. “Houve temporadas melhores do que outras mas joguei e dei sempre o máximo em cada época e é muito importante que o clube deposite esta confiança em mim. Espero retribuir essa confiança dentro de campo e que conquistemos títulos”, acrescentou.

A festa do Sporting, da autocrítica de Coates à celebração adiada de Bruno Fernandes (por causa do frio)

De acrescentar que a renovação de Coates chega numa altura em que o número 4 aguarda ainda a decisão do recurso apresentado pelos responsáveis leoninos a propósito do cartão amarelo visto em Setúbal diante do Vitória, por forma a saber se poderá ou não ser opção no dérbi de sexta-feira com o Benfica em Alvalade. Ainda assim, e de acordo com informações recolhidas pelo Observador, existe uma esperança menor do que no caso de Bolasie, que foi despenalizado do vermelho por acumulação ante o Portimonense e jogou o clássico com o FC Porto.

Sporting anuncia contratação de Sebastián Coates por empréstimo do Sunderland

Formado no Nacional de Montevideu, onde se estreou como sénior, o defesa central de 29 anos foi contratado pelos ingleses do Liverpool em 2011 antes de ser emprestado ao Sunderland na temporada de 2014/15. O clube exerceu então a opção de compra do jogador até janeiro de 2016, altura em que cedeu Coates ao Sporting por um ano e meio. Em fevereiro de 2017, os leões anunciaram a contratação em definitivo do internacional sul-americano com vínculo até 2022, que foi esta quarta-feira prolongado por mais uma época e outra de opção. O jogador conquistou em Alvalade duas Taças da Liga (2018 e 2019) e uma Taça de Portugal (2019).