Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A história

O quarto restaurante do grupo Non Basta abriu as portas no final de outubro de 2020 para trazer um pouco da província ao meio urbano. Instalado em plena Avenida da República, em Lisboa, a sua inauguração estava prevista acontecer em abril, mas a pandemia e consequente quarentena trocaram as voltas aos planos iniciais. “Não abrimos logo quando os restaurantes reabriram ao público, a 18 de maio, porque quisemos perceber um pouco o mercado, se as pessoas estavam ou não preparadas para visitarem novamente espaços públicos”, comenta Frederico Seixas, um dos sócios, ao Observador.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.