Morreu este sábado a filha do cantor Tony Carreira, Sara Carreira, segundo confirmou ao Observador fonte hospitalar. A jovem tinha 21 anos e morreu na sequência de um violento acidente rodoviário na autoestrada A1. O acidente ocorreu na zona de Santarém, perto da saída para Cartaxo e terá provocado mais três feridos, um grave e dois ligeiros. O óbito da jovem foi declarado logo no local.

Um dos feridos no acidente, confirmou também o Observador, é o namorado de Sara Carreira, Ivo Lucas. No Hospital de Santarém, para onde foram levados os feridos, estão alguns amigos da jovem cantora da área da música como Bárbara Bandeira ou o namorado desta, o também músico Kasha, dos D.A.M.A.

O acidente aparatoso envolveu quatro veículos e o trânsito chegou a estar interrompido na A1 durante algumas horas no sentido Norte-Sul. O alerta do acidente foi dado próximo das 19h00. No local, segundo a agência Lusa, estiveram 30 operacionais e 11 viaturas, entre os quais meios dos bombeiros de Pernes e de Santarém, dos Sapadores de Santarém, a Viatura Médica de Emergência e Reanimação de Santarém e a ambulância de Suporte Imediato de Vida de Torres Novas.

Sara Carreira seguiu a carreira musical, tal como o pai, Tony e os irmãos David e Mikael Carreira. No final de 2018 Sara Carreira lançou uma música com o irmão, David Carreira, e em fevereiro de 2019 lançou o seu primeiro single “Vou ficar“. Em setembro de 2019, lançou o seu segundo single “Para Não chorar“. Sara Carreira tinha também nesse ano dado voz à protagonista do filme de animação “Os sete anões e os sapatos mágicos“.

Mais recentemente Sara Carreira tinha-se aventurado fora da música, tendo-se dedicado à moda. Em outubro lançou uma coleção de roupa em conjunto com a estilista Micaela Oliveira.

Família pede “paz” em momento de “dor imensa”

A família da cantora Sara Carreira apelaram este domingo à “paz” e à “privacidade” neste momento de “dor imensa” e “tristeza profunda”.

Num comunicado enviado à agência Lusa, a família da jovem agradece o “carinho”, o “amparo” e as mensagens que tem recebido, mas pede “humildemente a todos, sobretudo à comunicação social”, que lhes permitam uma despedida com privacidade.

Neste momento em que nos invade uma dor imensa e uma tristeza profunda, pedimos humildemente a todos, sobretudo à comunicação social, que nos permitam despedir da nossa Sara com a paz e com a privacidade que a nossa família neste momento precisa”, afirma a nota, sublinhando que “deve haver poucos momentos de dor que se assemelhem à perda de uma filha, uma irmã, uma menina, uma princesa”.

“Ainda não acredito”. As reações à morte da jovem

O músico Diogo Piçarra, que era amigo da vítima, já lamentou a morte de Sara Carreira no Twitter, com um breve tweet: “Ainda não acredito…”

O músico Fernando Daniel — que também deu voz ao lado da jovem a uma das personagens do filme de animação “Os sete anões e os sapatos mágicos”  — também não esconde o choque pela situação e destaca que Sara Carreira era “uma ternura de pessoa, uma luz incrível.”

O músico Agir também lamentou a morte da amiga, que lembro como “das almas mais queridas de sempre”.

Artigo atualizado domingo, às 10h03, com o comunicado da família de Sara Carreira