Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A organização do festival de música EDP Cool Jazz adiou a edição agendada para julho deste ano para 2022. O anúncio é feito em comunicado, que informa: “O festival EDPCOOLJAZZ está adiado para 2022. Devido à situação mundial causada pela pandemia da Covid-19 e consequentes incertezas de saúde pública, o evento marca assim nova data para julho de 2022”.

O festival realiza-se anualmente em Cascais, mas a edição de 2022 chegou a estar previamente agendada para o verão de 2020 — acabando por ficar impossibilitada devido à pandemia do coronavírus.

De acordo com os organizadores, “os  bilhetes de 2020 e 2021 serão válidos para os mesmos concertos de 2022 não sendo necessário efetuar a troca”. Quanto a “outras informações adicionais de bilhetes”, nomeadamente possíveis reembolsos, e ainda “novas datas e outras informações necessárias ao público”, são prometidas atualizações “em breve”.

A promotora e diretora do festival, Karla Campos, afirma em comunicado: “Este festival tem anos de história, tem muita credibilidade junto dos artistas, junto do público, dos agentes, da opinião pública e não queremos oferecer nada mais do que o melhor. E em 2021 não estão reunidas as condições para o fazer. Vemo-nos com muita vontade em 2022”.

Para a edição deste ano do festival estavam agendados concertos de John Legend (dia 2 de julho), Yann Tiersen (dia 21), Miguel Araújo com Rui Veloso (24), Lionel Richie (25), Neneh Cherry (27), Herbie Hancock (28) e Jorge Ben Jor (31), entre outros.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR