247kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Líder do Sinn Fein pede desculpa pela morte de Luís Mountbatten após funeral de príncipe Filipe

Na sequência do funeral do príncipe Filipe, que aconteceu este sábado, a líder do partido Sinn Fein pediu desculpas pela morte de Luís Mountbatten, assassinado pelo IRA em 1979.

i

Lorde Mountbatten fotografado em 1955

Hulton Archive/Getty Images

Lorde Mountbatten fotografado em 1955

Hulton Archive/Getty Images

A líder do partido Sinn Fein, antigo braço político do grupo paramilitar Exército Republicano Irlandês, pediu desculpa pelo assassinato do lorde Luís Mountbatten, que perdeu a vida em 1979 às mãos do IRA enquanto passava uma temporada de férias na casa de verão, no Castelo Classiebawn, na Irlanda.

À Times Radio, citada pelo The Telegraph, Mary Lou McDonald comentou que a morte do tio do príncipe Filipe, o duque de Edimburgo, foi “desoladora”. Quando questionada sobre se pediria desculpas ao príncipe de Gales pela morte do seu tio-avô, McDonald respondeu: “O exército e as forças armadas associadas ao príncipe Carlos realizaram muitas, muitas, ações violentas na nossa ilha. Posso dizer, é claro, que sinto muito pelo que aconteceu. Claro, é de partir o coração”.

Carlos e Filipe, duque de Edimburgo, no funeral do lorde Luís Mountbatten

Fox Photos/Hulton Archive/Getty Images

Os comentários de McDonald representam uma mudança significativa tendo em conta o seu antecessor, Gerry Adams, que expressou arrependimento pelo assassinato, mas não se retratou das afirmações de que Luís Mountbatten conhecia o risco de viajar até à Irlanda. O barco onde seguia o tio de Filipe explodiu na sequência de uma bomba aí colocada pelo IRA. Luís Mountbatten não estava sozinho nesse momento: no veículo seguiam ainda Doreen Knatchbull, Baronesa de Brabourne, de 83 anos, Paul Maxwell, um jovem de 15 anos da cidade de Killynure, e ainda o neto de Mountbatten, Nicholas Knatchbull, de apenas 14 anos. A morte do lorde foi retratada na última temporada da série “The Crown”, mostrando-o como um do confidentes do príncipe Carlos.

“Acredito que é o trabalho de todos garantir que nenhuma outra criança, nenhuma outra família, não importa quem seja, sofra o mesmo trauma e desgosto que eram comuns em todos os lados desta ilha e além”, continuou Mary Lou McDonald citada pelo jornal britânico. “Tenho a responsabilidade absoluta de garantir que nenhuma família enfrente isto outra vez e estou feliz em reiterá-lo no fim de semana em que a rainha enterrou o seu amado marido.”

O funeral de Filipe aconteceu este sábado nos terrenos do Castelo de Windsor, mais de uma semana após a morte do duque de Edimburgo, aos 99 anos.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.