Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A menina bonita dos Diables Rouges, Axelle Despiegelaere, passou de comum mortal a estrela internacional e, uma vez mais, a comum mortal. Uma fotografia polémica ditou a falência do sucesso prematuro e gerou tanta controvérsia que a gigante L’Oréal acabou por suspender a sua ligação à adepta que, pelos vistos, já não é a mais bonita do Mundial 2014.

Em causa está uma fotografia publicada pela própria no respetivo Facebook. Na imagem, que data de 1 de julho, é possível ler a seguinte legenda: “Caçar não é uma questão de vida ou morte. É muito mais do que isso… Isto foi há um ano… [Estou] preparada para caçar americanos hoje”. A provocatória dirigia-se ao encontro entre os belgas e a equipa norte-americana, no decorrer do campeonato do mundo de futebol. Axelle surge com uma arma ao lado de um antílope já sem vida, supostamente abatido pela ex-estrela.

O The Independet conta que a empresa de cosméticos deu por terminada a relação profissional com a adepta de 17 anos, insistindo que ela não é uma porta-voz da marca e que o seu contrato foi “concluído”. A publicação cita um responsável que diz que a L’Oréal colaborou pontualmente com Axelle num vídeo a ser usado nas redes sociais belgas.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A ascensão (temporária) à fama aconteceu no decorrer do jogo Bélgica-Rússia, a 22 de junho, quando lhe foram tiradas fotografias que se tornaram virais na internet, sobretudo no Twitter. Foi uma questão de tempo até existir uma página oficial de Facebook de Axelle com milhares de fãs. Mas o melhor ainda estaria para vir.

A estudante foi, então, convidada para uma campanha da gigante L’Oréal, realizada no país que a viu nascer. Axelle vestiu a pele de modelo, o que resultou em novas fotografias e num vídeo disponibilizado no youtube. O tutorial, que mostra a jovem ex-estrela num salão de beleza a receber um tratamento capilar, arrecadou mais de dois milhões de visualizações desde que foi publicado na terça-feira.

Ao contrário das especulações, Despiegelaere não chegou a tornar-se embaixadora da respetiva marca, garantiu o The Independent, citando a francesa L’Express Style. A L’Oréal é a maior empresa de beleza do mundo, sendo conhecida pelos contratos milionários que estabelece com celebridades como Jennifer Lopez e Blake Lively.

A Bélgica ganhou o troféu do Mundial 2014 na categoria de “adepta mais bela” da competição, mas a conquista foi efémera.