A reunião foi convocada a pedido da Jordânia, membro não permanente do Conselho, após um apelo emitido pelo presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmud Abbas.

De visita a Doha, capital do Bahrein, onde se encontrou com o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, Abbas pediu hoje a realização urgente de uma reunião do Conselho de Segurança, na sequência de um domingo sangrento, onde mais de 100 palestinianos e 13 soldados israelitas foram mortos em Gaza.

Abbas chegou hoje a Doha para se encontrar com o líder do movimento islamita Hamas e com o secretário-geral da ONU.