Quarto em linha de sucessão ao trono (pelo menos até ao nascimento do filho da duquesa de Cambridge), o príncipe Harry completa esta segunda-feira três décadas de vida. Foi a 15 de setembro de 1984 que Henry Charles Albert David nasceu no Hospital de St. Mary, em Londres. É o filho mais novo de Diana Spencer e do príncipe Carlos.

Capitão Harry Wales, como é conhecido profissionalmente (“Spike”, para os amigos), serviu por duas vezes no Afeganistão. A veia humanitária também tem ganho dimensão ao longo da vida, sendo conhecida do grande público e, muitas vezes, comparada com a prestação da mãe.

No que toca ao amor, registam-se duas namoradas oficiais: Chelsy Davy, com quem esteve cinco anos, e Cressida Bonas, cuja relação que durou dois anos terminou recentemente. Agora, a notícia é de uma nova companheira: Camilla Thurlow, de 25 anos.

A celebração do 30º aniversário começou com uma cerveja, no domingo à noite, depois de terminado o evento desportivo Invictus Games, organizado pelo próprio príncipe. Mas o dia promete mais — é a partir desta data que Harry vai receber uma herança milionária da mãe no valor estimado de 10,7 milhões de libras (mais de 13 milhões de euros) — Diana morreu a 31 de agosto de 1997. O Daily Mail escreve que o príncipe, depois de perder a mãe com apenas 12 anos e de uma vida algo controversa, entra numa nova etapa de uma forma mais estável. E prova disso parece ser a iniciativa já referida que, diz o mesmo jornal, foi um sucesso.