O índice de preços da produção industrial caiu 0,1% em agosto face a julho, tanto na zona euro como em Portugal, segundo os dados publicados esta quinta-feira pelo Eurostat.

A queda de 0,1% em agosto em Portugal compara com o aumento de 0,3% que tinha sido registado nos preços da produção industrial no mês anterior, em julho.

Já na zona euro e na União Europeia (UE) a queda ligeira de 0,1% em agosto nos preços da produção industrial significa um abrandamento face aos 0,2% de queda que tinham sido registados em julho, quando o índice tinha recuado 0,2% em ambos os espaços económicos.

Ainda de acordo com os números divulgados hoje pelo gabinete oficial de estatísticas europeu, comparando agosto deste ano com agosto de 2013, os preços da produção industrial caíram 1,4% entre os 18 países que partilham o euro e 1,5% no total dos 28 membros da UE.

Neste caso, na comparação homóloga, em Portugal os preços caíram 0,9% em agosto, mantendo o comportamento descendente dos últimos meses.

Segundo o Eurostat, a queda em cadeia de 0,1% em agosto nos preços da produção industrial na zona euro justifica-se pelo recuo de 0,4% dos preços no setor da energia e de 0,1% nos bens intermédios, bens de consumo duradouro e não duradouro, enquanto foi registado um aumento ligeiro de 0,1% nos bens de capital.

Diz ainda ao Eurostat que, se fosse excluído o setor da energia, em cadeia, os preços tinham-se mantido estáveis.