O tweet de Ahmen Khawaja, jornalista da BBC, que dizia simplesmente “A rainha morreu” identificando depois a conta de Twitter da BBC, acendeu o rastilho nesta rede social que obrigou o próprio palácio de Buckingham a desmentir. Khawaja pediu desculpa e apagou os tweets, dizendo que se tratou de uma brincadeira depois de ter deixado o telemóvel sozinho durante alguns minutos, no entanto, a BBC está a investigar já que nessa altura decorria uma simulação da emissão do dia da morte da Rainha.

Apesar de os rumores serem frequentes, o tweet de Ahmen Khawaja foi precedido por outro que indicava que a rainha estava no hospital e que haveria um anúncio formal em breve. Por mera coincidência, como relata o Telegraph, a rainha encontrava-se mesmo no hospital, mas a fazer o seu check up anual que inclui vários exames e consultas. Assim, o tweet seguinte que dava conta da morte da rainha ganhou mais força e foi disseminado por toda a rede social. Mesmo com um pedido de desculpas por parte da jornalista, o seu tweet já se tinha tornado viral.

A BBC está agora a investigar este tweet, já que ontem, a redação estava a simular a morte da monarca e a testar a sua emissão especial preparada para a ocasião e avisou todos os seus jornalistas para não divulgarem que isto estava a acontecer.