Um avião israelita disparou contra edifícios na região síria dos Montes Golã, esta quinta-feira, em resposta a um ataque com “rockets” a uma cidade israelita, revela a BBC. Os disparos fizeram um morto e sete feridos, indicou uma fonte militar em Damasco. De acordo com a televisão estatal síria, “vários mísseis” atingiram um centro de transportes e um edifício público.

“A aviação inimiga atacou às 23h30 (21h30 de Lisboa) uma posição militar na direção de Quneitra, fazendo um mártir e ferindo sete soldados”, precisou a fonte citada pela agência governamental síria Sana.

Os “rockets” lançados sobre solo israelita não causaram feridos. As autoridades do país culpam o grupo jihadista palestiniano “Islamic Jihad” pelo ataque, afirmando ainda que teria tido o apoio do Irão. Contudo, o grupo terrorista negou a autoria do ataque.