Os preços dos combustíveis vão voltar a ficar mais baratos, depois da quebra do preço das cotações do petróleo nos mercados internacionais. Uma redução que também se deve à escalada do euro, que vai baixar os preços do gasóleo nos posto de abastecimento nacionais, avança o Jornal de Negócios. A gasolina pode baixar até um cêntimo por litro e o gasóleo pode recuar cerca de três cêntimos.

As cotações do petróleo têm oscilado ao longo da semana, com fortes subidas e descidas, e a gasolina e o diesel já recuaram. As oscilações do mercado têm tornado os investidores ansiosos em relação à decisão que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) vai tomar em relação à produção de petróleo.

Em dólares, o preço médio da gasolina caiu 1,36% e o do gasóleo recuou 6,9%. Já na moeda europeia as descidas foram um pouco mais pronunciadas devido à valorização que o euro sofreu depois das medidas de estímulo à economia europeia avançadas por Mario Draghi, presidente do Banco Central Europeu. Assim, no euro, a gasolina e o gasóleo desceram 1,7% e 7,3%, respetivamente. Segundo o Negócios, esta é a maior queda desde meados de outubro.