Nos primeiros seis meses de 2016, as vendas de veículos eléctricos na Europa cresceram 11,3%, superando as 50.000 unidades, mas a novidade é que já não é a Noruega quem mais consome esta classe de automóveis, apesar de no primeiro semestre estes escandinavos terem adquirido 12.216 unidades locomovidas a electricidade.

O primeiro país no ranking das vendas passou a ser a França, onde 15.068 clientes se decidiram por um modelo amigo do ambiente. E os franceses possuem ainda o maior potencial de crescimento, pois os eléctricos representam apenas 1,1% do mercado, ao contrário da Noruega, onde a electricidade alimenta em exclusivo 13% dos veículos.

Vendas de veículos eléctricos na Europa

Posição País Vendas Variação
França 15.068 +49%
Noruega 12.216 +30%
Reino Unido 5.609 +9,6%
Alemanha 5.265 +6,1%
Aústria 2.159 +138%

Se os gauleses passaram a liderar o mercado, é também um veículo francês quem comanda a tabela das vendas, com o Renault Zoe a atingir um volume nos primeiros seis meses do ano de 11.790 unidades. Na 2.ª posição surge o até aqui líder, o Nissan Leaf, com 11.117 automóveis comercializados. Surpreendente é a 3.ª posição obtida pelo Model S, da Tesla, de longe a proposta mais onerosa de todo o ranking, com a Volkswagen a conquistar a 4.ª e a 9.ª posições com o e-Golf e o e-up!, respectivamente.

O primeiro das vendas, em termos de veículos comerciais, é o Renault Kangoo ZE, o que garante à marca francesa um excelente resultado de conjunto, com a BMW a bater a Mercedes (i3 versus Classe B), e a Kia (Soul EV) a alcançar um surpreendente 6.º lugar na tabela. Na 10.ª posição podemos ainda encontrar o modelo mais antigo do mercado desta classe de veículos, o Peugeot Ion.

Automóveis eléctricos mais vendidos

Posição Modelo Vendas
Renault Zoe 11.790
Nissan Leaf 11.117
Tesla Model S 6.846
VW e-Golf 3.912
BMW i3 2.438
Kia Soul EV 2.126
Renault Kangoo ZE 1.823
Mercedes Classe B 1.586
VW e-UP! 1.367
10ª Peugeot Ion 983

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR