Sem que alguém desse conta (pelo menos ninguém se manifestou muito sobre o assunto), o WhatsApp introduziu uma funcionalidade nova nas mensagens de grupo. Ao utilizar um “@” surge automaticamente uma lista com todos os membros presentes nesse mesmo grupo da aplicação de mensagens comprada pelo Facebook em 2014, podendo depois escolher-se a quem se quer dirigir concretamente. Do outro lado, a pessoa identificada recebe uma notificação normal que indica precisamente o que aconteceu na conversa.

Dito assim a atualização até parece algo de bom para todos. Acabou a pergunta “estavas a falar para mim ou para ela?” no meio de uma conversa de grupo. O maior problema desta atualização é quando queremos ignorar por completo um grupo onde estamos inseridos.

Até agora, bastava desativar as notificações do respetivo grupo no serviço de mensagens e pronto, problema resolvido, já não apareciam notificações de ninguém. Mas, caso o utilizador seja identificado na mensagem, por muito que desligue as notificações da conversa vai receber na mesma o aviso de que alguém escreveu algo.

A ideia é facilitar a conversa entre cada membro do grupo, no entanto, existem muitas conversas no WhatsApp onde, alguns membros, não fazem ideia de porque é que estão lá. Nesses casos, esta atualização pode-se tornar um pouco irritante e incomodativa, especialmente porque não é possível ignorar a identificação.